O açafrão (Crocus sativus, família Iridaceae) é uma planta bolbosa originária da Grécia/Ásia Menor. A partir dos seus estigmas (cada flor tem 3 estigmas que correspondem à zona superior das estruturas femininas da flor, onde os grãos de pólen se fixam e germinam), obtém-se a mais rara e onerosa de todas as especiarias.
São necessárias cerca de 100.000-150.000 flores (colhidas à mão) para se obter um quilograma de açafrão. O uso de açafrão é muito antigo, existem registos do seu uso na cultura Minóica (Creta), Egipto, etc.
Várias são as regiões produtoras de açafrão: La Mancha (Espanha), Caxemira (Índia/Paquistão), Gatinais (França), Grécia, Irão, Turquia, Marrocos, Itália, etc….. o mais procurado pelos mercados é, em geral, o açafrão espanhol.
A molécula responsável pela cor do açafrão é um carotenóide – a crocina, que também existe nos frutos de gardénia (Gardenia grandiflora, família Rubiaceae). Estes foram os frutos que se utilizaram para tingir de amarelo as vestes cerimoniais do imperador da China. A seda amarela estava reservada para o Filho do Céu….assim se intitulava o imperador …
4

Visualizar comentários

A carregar